A BIODIVERSIDADE ESTÁ AMEAÇADA PELA AÇÃO IMPETUOSA DO HOMEM!

A BIODIVERSIDADE ESTÁ AMEAÇADA PELA AÇÃO IMPETUOSA DO HOMEM!

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

ATIVIDADE SOLAR KP NO DIA 26/09: UMA COM INTENSIDADE 5 E DUAS COM INTENSIDADE 8




ATIVIDADE SOLAR KP NO DIA 26/09: UMA COM INTENSIDADE 5 E DUAS COM INTENSIDADE 8

Leiam na tabela abaixo o que pode causar um KP=8.

Abaixo do gráfico, abordamos mais sobre o índice KP, e o que pode ocasionar uma Tempestade Geomagnética com intensidade maior ou igual a 5.

Lembrando que ocorreu hoje (26/09/2011) uma com intensidade 5 e duas com intensidade 8.



O gráfico acima mostra o Índice KP de atividade solar.

Os valores são derivados do tradicional Índice K, informados por uma série de magnetômetros instalados principalmente no Canadá e EUA. O índice retrata diretamente a intensidade do fluxo solar e as perturbações causadas na alta atmosfera terrestre, principalmente a ionosfera.

O Índice KP varia conforme a hora do dia, época do ano e também com a posição da Terra em relação ao Sol. Também existe relação direta com a quantidade de manchas solares. Quanto mais alto o índice, mais ruidoso está o Sol e mais radiação ionizante atinge a Terra.

Quando o índice KP está abaixo de 5 as condições da ionosfera estão quietas. Acima desse número já ocorrem tempestades geomagnéticas, sendo que números acima de 6 já são considerados preocupantes e diversas empresas e instituições são alertadas sobre a possibilidade de interferências e danos em equipamentos.

Índice KP e Efeitos Associados

KP=9
Extremo


Sistemas de potência: São esperados problemas de grandes proporções e acionamentos de sistemas de proteção. Redes de distribuição podem entrar em colapso, provocando blecautes. Transformadores podem ser danificados.

Espaço: Intensas correntes induzidas nos circuitos dos satélites. Operações de orientação, uplink e downlink de dados são seriamente afetados. Erros significativos de rastreio devido ao forte aumento do arrasto na atmosfera.

Outros: As correntes induzidas podem alcançar centenas de amperes. Fechamento completo da propagação em ondas curtas (HF) por diversos dias. Navegação por satélite praticamente impossível durante vários horas. Radionavegação por baixa frequência (beacons, ILS, etc) pode ser impossível por muitas horas. Auroras ocorrem em latitudes muito baixas (40º)
KP=8
Severo


Sistemas de potência: Possíbilidade de problemas de grandes proporções. Alguns sistemas podem detectar incorretamente informações nas redes de distribuição.

Espaço: Satélites podem experimentar surtos de tensões induzidas. Correção de posicionamento e orientação podem ser necessários devido ao forte arrasto na atmosfera superior.

Outros: Tensões induzidas nas tubulações podem requerer medidas preventivas. Propagação em Ondas Curtas (HF) se tornam exporádicas e a navegação por satélite pode permanecer degradada por horas. Radionavegação em ondas médias e longas (beacons, ILS, etc) se tornam corrompidas e auroras boreais são vistas em latitudes mais baixas (45º)
KP=7
Forte


Sistemas de potência: Podem ser necessário correções na tensão. Alarmes falsos podem ser disparados em alguns dispositivos de proteção.

Espaço: Correntes induzidas podem afetar sistemas satelitais. Satélites de órbita baixa podem sofrer com o aumento do arrasto da atmosfera. Correções de posicionamento e orientação se tornam necessárias.

Outros: Podem ocorrer problemas intermitentes na navegação e orientação por satélites ou através de sinais baixa frequência (beacons, ILS, etc). Comunicações por HF podem ser intermitentes e auroras podem ser vistas em latitudes baixas, ao redor de 50º.
KP=6
Moderado


Sistemas de potência: Redes elétricas em latitudes elevadas podem sofrer alertas de variação de tensão. Se prolongadas, as tempestades podem danificar transformadores.

Espaço: Podem ser necessárias reorientações na órbita de satélites. O aumento do arrasto da atmosfera pode interferir no cálculo orbital.

Outros: Pode fechar a propagação em ondas curtas (HF) nas latitudes elevadas. Ocorrência de auroras boreais em latitudes baixas, ao redor de 55º.
KP=5
Fraco


Sistemas de potência: Podem ocorrer flutuações fracas na rede elétrica.

Espaço: Possíveis impactos nas operações que envolvem satélites.

Outros: Alguns animais migratórios podem ser afetados. Auroras boreais visíveis em latitudes altas.

Fonte: Apolo11
via http://www.mestresascensos.com

Nota MM: Veja algumas consequências aqui no Brasil das tempestades solares que chegaram nos últimos dias:

Apagão atinge bairros da região metropolitana de Vitória, ES
http://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/2011/09/apagao-atinge-bairros-da-regiao-metropolitana-de-vitoria-es.html

Falta de energia afeta nove regiões do DF nesta segunda-feirahttp://g1.globo.com/distrito-federal/noticia/2011/09/falta-de-energia-afeta-nove-regioes-do-df-nesta-segunda-feira.html
Links enviados por André

http://minhamestria.blogspot.com

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

LIKE-FACEBOOK

VISITORS

free counters

solar terrestrial data