A BIODIVERSIDADE ESTÁ AMEAÇADA PELA AÇÃO IMPETUOSA DO HOMEM!

A BIODIVERSIDADE ESTÁ AMEAÇADA PELA AÇÃO IMPETUOSA DO HOMEM!

sábado, 8 de outubro de 2011

BOLA DE FOGO É VISTA NO CÉU DE HUELVA, SALAMANCA, SEVILHA E TOLEDO - ESPANHA


(imagem enviada por Samyr)

A bola de fogo foi vista em lugares como a Huelva, Salamanca, Sevilha e Toledo. Sua passagem foi registrada pelo sistema de detecção operado com o professor da Universidade de Huelva, José María Madiedo, que é capaz de detectar todos os fragmentos do espaço que atingem a atmosfera da Terra, “mesmo que estes sejam tão pequenos como um grão de areia, pode até mesmo determinar sua composição química”, diz o astrônomo.

Este não é o único fenômeno desse tipo registrado na província de Huelva. O Prof. Madiedo recorda que no final de julho de 2006 houve um evento semelhante, "mas muito mais marcante", um fragmento de um cometa se desintegrou completamente no Parque Nacional de Doñana, iluminando o céu por uma fração de segundo. Também em maio 2009 outra pedra se desintegrou ao longo da Serra de Huelva.

O Professor da Universidade de Huelva disse que há também evidências de um meteorito cair nas montanhas de Huelva, em Junho de 2007, no anoitecer. "No entanto, a falta de dados impediu de localizar e recuperar esta pedra, apesar das várias tentativas feitas por pesquisadores espanhóis e alemães."

Amanhã (08/10) poderá ser contemplado uma chuva de meteoros das 19:00 às 23:00, pois a Terra passará na trilha de poeira do cometa 21P/Giacobini-Zeiner deixado para trás quando se aproximou do sol em 1900. A “chuva” poderá ser vista a olho nu. Um dos destaques será em torno das 22:00.


Tradução - André - mestresascensos.com
Obs. Fizemos a tradução de partes da notícia, caso queira lê-la por completo, clique no link abaixo.
Fonte: http://www.huelvainformacion.es
http://www.mestresascensos.com/2011/10/bola-de-fogo-e-vista-no-ceu-de-huelva.html#more

http://minhamestria.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

LIKE-FACEBOOK

VISITORS

free counters

solar terrestrial data